(51)996961546

NO AR

Paradao Sertanejo

www.interativasulweb.com

Brasil

Cerca de 850 mil pessoas já foram vacinadas contra a gripe no Rio Grande do Sul

Publicada em 05/05/18 as 09:39h por Rádio Interativa Sul Web - 39 visualizações


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: Divulgação)

Cerca de 850 mil pessoas dos chamados grupos prioritários já foram vacinadas contra a gripe no Rio Grande do Sul. Esse número representa mais de 30% da meta da campanha de imunização, de acordo com dados divulgados pelo governo do Estado na sexta-feira (04).

Ao todo, foram vacinadas 93 mil crianças (16% do total desse público), 106 mil trabalhadores da área da saúde (34%), 25 mil gestantes (24%), 7,5 mil puérperas (43%), 5,9 mil indígenas (26%), 576 mil idosos (39%) e 32,6 mil professores (27,5%).

Também foram imunizados 1,5 mil funcionários do sistema prisional, 4,3 mil detentos, 172 mil portadores de co-morbidades e 9,4 mil inseridos na categoria "outros". A campanha de vacinação prossegue até 1º de junho.

A vacina contra a gripe está disponível em todas as 1,8 mil unidades de saúde do Estado. No próximo sábado (12), Dia D de Mobilização, todas as unidades estarão abertas para aplicar a dose. A meta é imunizar pelo menos 90% dos grupos prioritários.

Campanha

A campanha nacional de vacinação contra a gripe começou no dia 23 de abril em todo o Brasil. A meta, segundo o Ministério da Saúde, é imunizar 54,4 milhões de pessoas que fazem parte do grupo considerado "mais suscetível" ao agravamento de doenças respiratórias.

O público-alvo para receber a vacina gratuitamente no SUS (Sistema Único de Saúde) são pessoas a partir de 60 anos; crianças de 6 meses a 5 anos; trabalhadores da área da saúde; professores das redes pública e privada; mulheres gestantes e puérperas; indígenas; pessoas privadas de liberdade (incluindo adolescentes cumprindo medidas socioeducativas); profissionais do sistema prisional e portadores de doenças que aumentam o risco de complicações em decorrência da influenza. A contraindicação da vacina é para quem tem alergia severa a ovo.

A vacina deste ano protege contra o Influenza A, nas variações H1N1 e H3N2, e influenza B. Para o Ministério da Saúde, o acréscimo da proteção contra o H3N2 acontece após a infecção de 47 mil pessoas no hemisfério Norte, em janeiro. Mas, no Brasil, segundo a coordenadora-geral do programa de imunização do ministério, Carla Domingues, "não há nenhuma evidência que teremos uma circulação forte do H3N2".

No Rio Grande do Sul, a campanha foi lançada no dia 20 de abril, no Palácio Piratini, em Porto Alegre, com a presença do governador José Ivo Sartori, da primeira-dama Maria Helena Sartori e do secretário estadual da Saúde, Francisco Paz. Segundo a Secretaria da Saúde, 3,6 milhões de gaúchos fazem parte do público-alvo da campanha.

Sartori destacou a importância da prevenção: "A vacina é a melhor estratégia disponível para a proteção contra uma série de doenças graves. A gripe é uma dessas doenças que podem ser prevenidas pela vacina ou ter suas graves consequências reduzidas. Os números comprovam isso".






Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Enquete
Qual o estilo musical que você mais curte?

 Sertanejo
 Pop
 Rock
 Bandas
 Gauchescas
 Funk
 Metal
 MPB
 Gospel







.

LIGUE E PARTICIPE

51997425572

Visitas: 37524
Usuários Online: 16
Copyright (c) 2018 - Rádio Interativa Sul Web - Curta nossa fan page no facebook